Rede Social para mortos

Uma espécie de “orkut para mortos”, a rede social Footnote nasce foi criado já com 80 milhões de perfis e elogiada por seu caráter ´inovador´.

A febre das redes sociais – que atraem investimentos milionários e dezenas de milhões de unique visitors por mês – quer também a audiência dos mortos (não sei como conseguirão isso!). Muito além do sucesso de Facebook e MySpace, há redes para contatos profissionais, como o Linkedin, para contatos entre animais de estimação, como o Dogster, e agora também para quem morreu antes do boom da web 2.0.

A idéia de grupo que criou o Footnote é criar um espaço online para cultuar a memória de quem já morreu. Os usuários podem criar perfis de seus parentes e amigos falecidos, postar fotos, mini biografias dos mortos e até relacionar o perfil com outros falecidos.

Assim, pessoas que eram amigas em vida podem se adicionar no Footnote estendendo a amizade para além da morte. A idéia foi selecionada entre os 50 melhores projetos de internet no evento TechCrunch50.

Os 80 milhões de perfis iniciais são, na verdade, páginas criadas automaticamente a partir dos dados de mortos do sistema de seguridade social americano.

Mortos célebres, como heróis de guerra, ganham destaque na rede e podem receber homenagens com mídia rica e animações em suas páginas na rede.

Não quero usar isso tão cedo!!!!

O grande problema dessa rede é a quantidade de perfis fantasmas… também é ideal para aquelas pessoas que se fingem de mortas!!

Essas piadas foram totalmente infames, prometo que tentarei me controlar…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: